Ficha de Casa Religiosa
    
Designação
Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Colégio de Nossa Senhora da Estrela

Código
LxConv023

Outras designações
Convento de Nossa Senhora da Estrela; Colégio de Nossa Senhora da Estrela; Convento da Estrelinha

Morada actual
Calçada da Estrela, 146

Sumário
Fundado em 1571 por ação de frei Plácido de Vilalobos, frei Afonso Zorrilha e frei Pedro de Chaves, com o apoio do Cardeal D. Henrique, o Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela foi ocupado por monges oriundos do Mosteiro de São Martinho de Tibães, casa-mãe da Ordem de S. Bento em Portugal. Nele ficavam alojados os religiosos beneditinos quando se deslocavam a Lisboa.

Com a fundação de outro mosteiro da Ordem em Lisboa, Mosteiro de São Bento, o Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela passa, a partir de 1615, a colégio e casa de estudo do Noviciado. Em 1797 parte do edifício é ocupada pelas tropas britânicas que a utilizam como hospital, ocupação que não o abandonará até aos nossos dias.

No inventário de extinção do convento, em 1834, o edifício aparece ocupado pela botica e hospital do exército, altura em que, com a saída definitiva dos monges beneditinos, passa a denominar-se Hospital Militar de Lisboa, e depois Hospital Militar Principal.

Em 2015 o Hospital Militar deixa estas instalações ficando o edifício sem ocupação.

Caracterização geral
Ordem religiosa
Ordem de São Bento

Género
Masculino

Data de fundação
1571

Data de extinção
1833-10-26

Tipologia arquitetónica
Arquitetura religiosa\Monástico-conventual

Componentes da Casa Religiosa - 1834
Mosteiro
Pátio: 2
Igreja
Cerca de recreio e produção

Tipologia de uso
Inicial - Religioso\Mosteiro ou Convento
Intermédia - Religioso\Colégio
Intermédia - Civil\Equipamento\Saúde
Atual - Sem uso

Caracterização actual
Situação
Convento - Existente
Igreja - Existente
Cerca - Parcialmente urbanizada

Ocupação
Convento - Devoluto(a)
Igreja - Devoluto(a)

Cronologia
1571 Fundação do Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela, o primeiro mosteiro da Ordem de São Bento na cidade de Lisboa.
1593-12-25 Celebração da primeira missa no mosteiro.
1628 O abade-geral, frei Leão de São Tomás, determina que o mosteiro seja transformado em Colégio e Casa de Estudo, com reitor que tivesse voto em capítulo.
1755-11-01 O colégio fica quase completamente destruído pelo terramoto.
1758 | 1789 Obras de reconstrução do edifício.
1783 Reabertura das aulas.
1797 O Secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros determina que o edifício seja ocupado como hospital das tropas inglesas.
1802 Estabelecida a paz com França e Espanha em 6 de Junho de 1801, no início de 1802 os ingleses deixam o edifício.
1803 O príncipe Regente manda proceder a avaliações e medições do edifício, para se saber se tem condições para acolher o hospital militar, mas acaba por decidir que sejam restabelecidos os estudos no colégio.
1807 Instalam-se no edifício feridos franceses do exército de Junot.
1808 O edifício serve de hospital do Corpo Expedicionário Inglês.
1818 Como o colégio não ocupava todas as dependências do edifício, os administradores da Real Fazenda determinam que se transfira para lá da Secretaria dos Hospitais e Botica Geral do Exército.
1832-09-21 Na sequência do Aviso de 19 de Setembro, do Ministério dos Negócios da Guerra, sobre os donativos de lenços e roupas para os hospitais militares, é publicado na Gazeta de Lisboa que a Comissão constituída para o efeito fica estabelecida no «Convento dos Monges de S. Bento da Estrelinha». Os donativos devem ser entregues ao Físico-Mor e ao Cirurgião-Mor do Exército a partir de dia 20.
1833-10-26 Sentença de supressão do Colégio de Nossa Senhora da Estrela.
1834 O Colégio de Nossa Senhora da Estrela é adaptado a Hospital Militar, com a designação de "Hospital Militar de Lisboa", novo nome do "Hospital Real Militar da Corte", até então instalado no Convento de São João de Deus.
1834-05-30 Decreto de extinção de todas as casas religiosas masculinas das ordens regulares e incorporação dos seus bens nos Próprios da Fazenda Nacional..
1834-08-19 Portaria do Tribunal do Tesouro Público sobre a venda e o arrendamento dos bens nacionais. Determina que o Perfeito da Província da Estremadura dê orientações para que se proceda à venda dos bens móveis e semi-móveis, excepto os objetos do culto divino, as peças de ouro e prata e as livrarias; e que arrende, por um ano, todos os prédios rústicos e urbanos da Fazenda Nacional.
1835-08-31 Venda da cerca junta ao colégio por 5:010$000.
1850-11-13 Portaria do Ministério do Reino determinando que a Câmara construísse um Passeio Público no terreno fronteiro ao Convento da Estrela. A obra seria parcialmente paga por conta de um donativo de 4.750.500$00 feito pela Casa de Joaquim Manuel Monteiro, do Rio de Janeiro.
1851-03-09 Representação da Câmara informando que a obra do Passeio Público da Estrela se encontra em risco de parar por falta de verbas.
1851-10-06 É determinada por decreto a centralização de todos os hospitais regimentais de Lisboa. O hospital militar instala-se definitivamente no antigo mosteiro e colégio com o nome de "Hospital Militar Permanente de Lisboa".
1887-02-18 O Ministério da Guerra solicita a cedência provisória da cerca e de várias dependências do antigo Convento do Santíssimo Coração de Jesus para aí se instalarem os doentes do Hospital Militar Permanente, onde iam ser realizadas obras.
1926-09-01 Em harmonia com o despacho da Circular nº 8 do Governo Militar de Lisboa, o hospital passa a designar-se "Hospital Militar Principal", nome que manterá até ao seu encerramento.
2006 O Hospital Militar Principal tinha 8 serviços de internamento e 313 camas.
2012-08-16 Decreto-Lei nº 187/2012, do Ministério da Defesa Nacional, cria o Polo de Lisboa do Hospital das Forças Armadas (HFAR) e extingue o Hospital da Marinha, o Hospital Militar Principal, o Hospital Militar de Belém e o Hospital da Força Aérea, sendo as respectivas atribuições e competências transferidas para o Polo de Lisboa do HFAR.
2013-05-17 Despacho nº 7002/2013, do Ministério da Defesa Nacional, determina a criação do Campus de Saúde Militar, sediado no Lumiar e estabelece um cronograma para o processo de fusão hospitalar. Até 30 de Abril já tinha sido determinando o encerramento da actividade cirúrgica e do respectivo serviço no Hospital Militar Principal; e a transferência do Serviço de Urgência para o Polo de Lisboa do Hospital das Forças Armadas.

Fontes e Bibliografia
Material gráfico

Hospital Militar Permanente de Lisboa : plantas. [1887].

PEREIRA, Luís Gonzaga - Igreja de N. S. da Estrela em Lisboa. Museu de Lisboa [25-07-1835].

Planta das coxeiras e cavalharices do Convento de N. Senhora da Estrella dos Religiozos de S. Bento.

Planta do Largo da Estrella : com as modificações projectadas. [1852 / 1864].

Planta do plano alto do Convento de N. Senhora da Estrella dos Religiozos de S. Bento.

Planta do plano bacho do Convento de N. Senhora da Estrella dos Religiozos de S. Bento.

Planta geral do Hospital Militar da Estrela [em Lisboa] : corpo principal, cerca.

Planta topográfica do Largo da Estrela e suas imediações: na qual se mostra o terreno que foi cerca do extinto Colégio da Estrela da Ordem de São Bento. Arquivo Nacional Torre do Tombo.

Projecto da grade de ferro e portão para substituir o muro e os portões que feichão a entrada d'alameda do Hospital Militar Permanente de Lisboa.

Projecto d'ampliação do Hospital Militar : cortes e fachadas. [1887].

Projecto do novo alinhamento que deve ter a praça do Convento do Coração de Jesus. Arquivo Nacional Torre do Tombo.

SEQUEIRA, Gustavo de Matos - Lisboa antes do Terramoto de 1755. Museu de Lisboa [1955-1959]. 17 tabuleiros, 10.260 x 4060mm, esc. 1: 500.

Terreno occupado pelo hospital : com a indicação da faxa do passeio da Estrella cedida ao M.º da G.ª pela Camara Municipal de Lisboa. [1887].

Cartografia

CARVALHO, José Monteiro de; - [Livro das plantas das freguesias de Lisboa]. Códices e documentos de proveniência desconhecida, nº 153, Planta da freguezia de Santa Izabel, f. 16 (imagem 0046).

[Enquadramento urbano | Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Colégio de Nossa Senhora da Estrela, 1834].

[Enquadramento urbano | Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Colégio de Nossa Senhora da Estrela, 2015].

FOLQUE, Filipe; - [Carta Topográfica de Lisboa e seus arredores, 1856/1858]. 1:1000. 65 plantas; 92 X 62,5cm, Plantas 34 (Julho 1857) e 41 (Agosto 1856).

Manuscrito

[Consultas da Comissão Eclesiástica da Reforma]. [Manuscrito]1822-1823. Arquivo Nacional da Torre do Tombo. Ministério dos Negócios Eclesiásticos e Justiça, Maço 268, n.º 4, Caixa 214.

[Junta do Exame do Estado actual e Melhoramento temporal das Ordens Regulares]. [Manuscrito]1790-1830. Arquivo Nacional da Torre do Tombo. Ministério dos Negócios Eclesiásticos e Justiça, Maço 270, nº1, Cx. 216, Doc. 11.

Inventário de Extinção do Convento do Coração de Jesus da Estrela de Lisboa. [Manuscrito]Arquivo Nacional da Torre do Tombo. ANTT, Ministério das Finanças, Convento do Coração de Jesus da Estrela de Lisboa, Cx. 1941 a 1946, Cx. 1945, f. 4263-4271/5.

Inventário de extinção do Convento e Colégio de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa. [Manuscrito]. Arquivo Nacional da Torre do Tombo. Ministério das Finanças, Colégio da Estrela de Lisboa, Cx. 2225.

Inventário de extinção do Hospício de Nossa Senhora do Desterro de Lisboa. [Manuscrito]. Arquivo Nacional da Torre do Tombo. Ministério das Finanças, Hospício de Nossa Senhora do Desterro de Lisboa, Cx. 2225, f. 0174-0176.

Monografia

ABREU, Laurinda - Um parecer da Junta do Exame do Estado actual e Melhoramento Temporal das Ordens Regulares nas vésperas do decreto de 30 de Maio de 1834. Estudos em homenagem a Luís António de Oliveira Ramos. Porto: Faculdade de Letras da Universidade do Porto, 2004, pp. 117-130.

Collecção de Contas da Commissão Interina da Junta do Crédito Público até 10 de Setembro de 1836. Lisboa: Imprensa Nacional, s.d.

FERREIRA, João José Brandão - O serviço de saúde militar no princípio do século XXI em Portugal. XVI Colóquio de História Militar. O Serviço de Saúde Militar na Comemoração do 4º Centenário dos Irmãos Hospitaleiros de São. João de Deus. Actas - Volume I, Separata. Lisboa: Comissão Portuguesa de História Militar, 2005, pp. 133-219.

História dos Mosteiros, Conventos e Casas Religiosas de Lisboa, Tomo I. Lisboa: Câmara Municipal de Lisboa, 1950, pp. 350-359.

Hospital Militar Principal. Perspectiva Histórica. 2ª edição Edição. Lisboa: Serviço Cultural do Gabinete de Estudos Técnicos do HMP, 1992.

PORTUGAL, Fernando; MATOS, Alfredo de - Lisboa em 1758: Memórias Paroquiais de Lisboa. Lisboa: Publicações Culturais da Câmara Municipal de Lisboa, 1974, pp. 140 e 308.

Synopse dos principaes actos administrativos da Câmara Municipal de Lisboa no anno de 1851. Lisboa: Imprensa Nacional, 1852, pp. 45-46.

Periódico

Chronica Constitucional de Lisboa, nº 91. Lisboa: Imprensa Nacional, [8 de Novembro de 1833], pp. 511-512.

COUTINHO, Manuel de Azevedo - No centenário do Jardim da Estrela. Revista Municipal, Ano XIII nº 53. Câmara Municipal de Lisboa 1952, pp. 25-32.

Decreto de 16 de Junho de 1910. Diário do Governo, nº 136. Lisboa: Imprensa Nacional. 23 de Junho de 1910, pp. 2163-2166.

Decreto-Lei nº 187/2012. Diário da República, 1º Série, nº 158. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda. 16 de Agosto de 2012, pp. 4490-4492.

Despacho nº 7002/2013. Diário da República, 2º Série, nº 104. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda. 30 de Maio de 2013, p. 17183.

Gazeta de Lisboa, nº 224. Lisboa: Na Impressão Regia, [21 de Setembro de 1832], p. 1086.

JÚNIOR, Henrique Marques - Hospital Militar Principal : fundação do Convento da Estrela - esboço histórico. Olisipo, Ano X, nº 39. Lisboa: Editorial Império, Limitada. Julho de 1947, pp. 146-152.

MATTOSO, Frei José de Santa Escolástica - O Colégio Beneditino da estrela no princípio do século XIX. Revista Municipal, Ano XVI, nº 64. Lisboa: Câmara Muncipal de Lisboa. 1955, pp. 5-19.

MATTOSO, Frei José de Santa Escolástica - O Colégio Beneditino da estrela no princípio do século XIX. Revista Municipal, Ano XVI, nº 65. Lisboa: Câmara Muncipal de Lisboa. 1955, pp. 28-45.

RODRIGUES, Fernando de Matos - Visita do Grupo "Amigos de Lisboa" ao antigo Convento de Brancanes (Batalhão do Serviço de Saúde),. Olisipo, nºs 150-151-152. Lisboa: Ramos, Afonso & Moita, Lda.. 1987-1988-1989, pp. 43-58.

Material Fotográfico
Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Perspetiva da cobertura do Real Convento do Santíssimo Coração de Jesus. DPC_20141028_064.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Fachada poente. DPC_20140416_002E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Cunhal poente. DPC_20140416_045E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Fachada poente. DPC_20140416_007.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Cunhal sul. DPC_20140416_009E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Fachada nascente. DPC_20140416_014E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Cunhal nascente. DPC_20140416_026E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Fachada poente. DPC_20140416_006.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Fachada noroeste. DPC_20140416_070.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Coberturas. DPC_20140416_108E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Pátio. DPC_20140416_088E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Pátio | Janela. DPC_20140416_094.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Pátio | Goteira. DPC_20140416_097.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Corredor. DPC_20140416_077.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Corredor. DPC_20140416_058.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Corredor.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Escada. DPC_20140416_062E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Sala. DPC_20140416_084E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Escada principal. DPC_20140416_081E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Escada principal. DPC_20140416_102E.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja. DPC_20140416_051.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja | Capela-mor. DPC_20140416_052.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja | Nave. DPC_20140416_120.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja | Coro alto. DPC_20140416_057.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja. DPC_20140416_116.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2014.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Perspetiva. JBN003109.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Perspetiva geral. LJM000003.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Doente à saída do Hospital Militar Principal. LIM001322.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja. A22371.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja | Obras. A22372.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Exterior | Igreja. A22376.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja. A22373.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja. A22374.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Interior | Igreja. A22375.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Museu de Lisboa | Maqueta de Lisboa antes do Terramoto de 1755 | Pormenor.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2013.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Museu de Lisboa | Maqueta de Lisboa antes do Terramoto de 1755 | Pormenor.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2013.

Mosteiro de Nossa Senhora da Estrela de Lisboa | Museu de Lisboa | Maqueta de Lisboa antes do Terramoto de 1755 | Pormenor.
© CML | DMC | DPC | José Vicente 2013.

Inventariantes
Edite Alberto
Rita Mégre
Última atualização - 2018-07-31

Imagens: 37