Da cidade sacra à cidade laica. A extinção das ordens religiosas e as dinâmicas de transformação urbana na Lisboa do século XIX

(1/2)
Designação
Real Colégio dos Catecúmenos

Código
LxConv020

Outras designações
Colégio dos Catecúmenos; Hospício dos Catecúmenos

Morada actual
Rua do Grémio Lusitano, 28; Rua do Diário de Notícias, 133

Sumário
O Real Colégio dos Catecúmenos não se insere no contexto do Projecto Lx Conventos , pois não obstante a iniciativa para a fundação do colégio (a partir de 1579) ter sido de uma ordem religiosa (Companhia de Jesus) , quando, cinco anos depois, a instituição inicia a sua actividade, fá-lo já sob a jurisdição da Mesa da Consciência e Ordem, encarregada de tal pelo rei Filipe I.

Este colégio foi fundado com o objectivo de recolher e catequisar os que quisessem converter à religião cristã ("Este Colégio ordenou Sua Magestade para nelle serem instruidos Cathecumenos que se vem converter à nossa santa fee Católica", segundo inscrição em pedra existente na fachada do edifício). Foi extinto em 1834, nele passando a funcionar o "Asylo dos Calafates, 3ª Casa da Sociedade da Infância Desvalida" (cujo letreiro existe ainda sobre a porta de entrada, atual Fundação D. Pedro IV, que se mantém no local.

Caracterização geral


Género
Masculino

Cronologia


1579 Os padres jesuítas tomam a iniciativa da fundação de "hum domicilio aonde se recolhessem os que deyxados seos erros quizessem abraçar a verdade da religiam christã".
1583 O rei Filipe "autoriza a fundação do Colégio"
1584 Perante a recusa dos padres de São Roque para "tomassem sobre si o governo e superintendencia" do colégio, o rei encarregou a Mesa da Consciência e Ordem do governo da instituição "a qual elege o Provedor, Capellam e Escrivam".
1834 Fundação da Casa de Asilo da Infância Desvalida, que até ao início do ano seguinte tinha já cinco casas. Uma das quais, também fundada no decorrer de 1834, é o Asilo dos Calafates (também conhecida como "Casa de Asilo dos Catecúmenos"), justamente instalado no edifício do antigo Colégio dos Catecúmenos.

Fontes e Bibliografia


Monografia

História dos Mosteiros, Conventos e Casas Religiosas de Lisboa. Lisboa: Câmara Municipal de Lisboa, tomo I, 1950, pp. 322-324.

Periódico

Cadernos de Pesquisa, nº 109. [Março 2000], pp. 89-114.

Material Fotográfico


Real Colégio dos Catecúmenos | Carta Topográfica de Lisboa e seus arredores (1856/58).

Real Colégio dos Catecúmenos | Exterior | Portal. EDP000493.
© CML | DMC | Arquivo Municipal de Lisboa.


Inventariantes


Tiago Borges Lourenço - 2015-08-19


© in patrimonium .net
Câmara Municipal de Lisboa
 Data: 2022-08-14